Tenho pouca experiência em auto elétrica, consigo instalar minha Octtane?

Bom, esse é um assunto que não quer calar, uma pessoa com pouca experiência em auto elétrica, usando o suporte do grupo Octtane, estudando o manual e o diagrama da Octtane, consegue instalar a sua própria injeção programável?

Foto de Um Grande Emaranhado De Ravel Fios Multicoloridos De Mentiras De  Fiação Do Carro Na

Assim começa a minha aventura nesse mundo maravilhoso que se chama “Faça vc mesmo”
Certo dia me deparei com essa dúvida no grupo de WhatsApp Octtane, logo como estou restaurando meu Chevette 1981 e estava exatamente no momento de instalar a injeção, pensei.
Pq não arriscar e eu mesmo instalar a minha Octanne T1?

Abaixo segue um diário de 10 dias intensos, estudando, me capacitando e instalando a injeção Octtane T1 assim como o condicionador de sonda W1.

Obs: As informações de peças, técnicas e formas de instalação, foram adquiridas no período de 10 dias de capacitação e extraídas do Grupo de WhatsApp Octtane, manual, diagrama, assistindo vídeos no Youtube e nada mais.

Vamos lá!

Dia 1 Chegou a caixa de relé e os terminais, olhando assim para mim é um bicho de sete cabeças, mas enfim vamos continuar dedicados e estudando bastante como as coisas funcionam, eu poderia ter usado uma placa de relés, assim como 99% das pessoas fazem, mas essa caixa de relé no meu ponto de vista, da um acabamento perfeito.

Caixa De Relays 12 Relays 6 Relays 6 Titular Fusíveis Padrão

Dia 2 Como não tenho conhecimento de como clipar os terminais e montar os cabos, decidi comprar os terminais prontos. Pra mim eu encontraria dificuldade para realizar essa compra pois não sabia ao certo onde vendia, mas na primeira autopeças que cheguei e perguntei a respeito dos terminais de bicos injetores, logo observei que são os mesmos do sensor de temperatura de água do sensor de temperatura de ar e da valvula n75, pois bem comprei todos. Inclusive o do sensor roda fônico e do TPS que são de 3 vias.

Conector De Bico Injetor

Dia 3 Soltei a bomba no grupo. Tenho pouco conhecimento em auto elétrica, consigo instalar a minha injeção programável?
Para minha surpresa, muitas pessoas me apoiaram e outras pessoas se colocaram contra, mas o meu objetivo é único e não vou desistir.
Respeito todas as pessoas que se sentem seguras em “mandar instalar” a injeção, mas como restaurei e montei 99% do meu carro na garagem, não faria sentido eu mandar fazer esse serviço.

Dia 4 Chegou a hora de comprar os fios, relés, terminais, fita termo retrátil, fita isolante e mais alguns terminais que faltam. O frio na barriga permanece, sei que qualquer ligação errada pode comprometer a injeção eletrônica, por esse motivo em paralelo estou assistindo bastante vídeos no Youtube e adquirindo conhecimento para que no dia “D” não passe sufoco.

Dia 5 Instalei a bateria no porta malas, usei um fio para positivo quase o triplo do tamanho que tinha usado anteriormente, tanto é que o fio de positivo antigo, deixei ele no mesmo local e usei como negativo força pra aterrar os sensores na dianteira do veículo.
Foi fundamental a substituição desse cabo de positivo, pois como a bateria está no porta malas, me orientaram fazer a troca do mesmo. Uma chave geral também foi instalada, assim como manda o manual!

Dia 6 Comecei o trabalho pelas bobinas individuais do Gol G6, conversando com o pessoal do grupo, me orientaram utilizar resistores de 1k e 100 Ohms,  para auxiliar na partida, feito esse trabalho parti para os relés, normalmente as pessoas utilizam placas de acrílico para fixar os mesmos, eu particularmente optei por usar um porta relé em plástico, facilmente encontrado na internet.
Vale lembrar que todo esse processo de montagem e instalação foram experiências adquiridas perguntando aos amigos do grupo Octtane e lendo bastante o manual, já que minha experiência com elétrica automotiva é mínima!

Dia 7 Iniciei a montagem da caixa de relés, como comprei aquelas padrões que vende na China e no MercadoLivre, ela da opção de 5 relés convencionais, pois bem, no início achei um pouco complicado, mas depois observando bem o diagrama consegui montar de forma rápida e com a certeza que estava fazendo a coisa certa, tudo bem que terminei quase 3:00 da manhã, mas o importante foi concluir o serviço.

Dia 8 Deixei toda a elétrica do carro preparada para receber a injeção, pós chave, positivo e negativo da bateria, tudo organizado! Precisei fazer um furo no painel corta fogo do carro para passar o chicote da Octtane T1, usei serra copo de 35mm, pois é o tamanho exato para usar aquelas borrachas redondas de assoalho.

O café foi a pausa necessária pra oxigenar a mente e voltar as atividades kkk.

Dia 9 Hoje 05/09/2020 é dia de instalar a injeção, já tinha todo o diagrama salvo na minha cabeça, pois desde o momento que decidi instalar a injeção sozinho, não houve um dia sequer que não tenha aberto o diagrama e tenha dado uma olhada!
De qualquer forma, fixei o diagrama no capô e iniciei as atividades.
Fazendo com calma para garantir que tudo de certo!

Bom, conclui a instalação de toda parte elétrica, seguindo o diagrama enviado pela Octtane, seguindo as dicas dos amigos e seguindo meu instinto de que tudo vai dar certo!
Vale ressaltar que no meio da minha capacitação de informações, resolvi ousar e instalar um condicionador de sonda W1 com sonda W.B Lsu 4.2, seria algo que faria em uma segunda fase, mas como estava com tudo na mão, arrisquei.

Obs: No dia da instalação, fiquei sozinho em casa para me concentrar e evitar distrações desnecessárias.
Acho fundamental essa dedicação, pois evita que você esqueça o que estava fazendo, o famoso “deu branco”

Na instalação não utilizei malha náutica pois como sou marinheiro de primeira viagem, poderia esquecer algo, ai já viu kkk
Mas nada impede de um futuro próximo adquirir outro chicote e fazer nesse padrão.

Dia “D”

Dia 10 10/09/2020, passei o dia todo no trabalho e não via a hora de chegar em casa para configurar a injeção e dar a partida!
Com o manual aberto no celular, fui seguindo passo a passo, gerei o mapa padrão, fiz o sinal da cruz, torci os dedos e START.

Meu Deus, o telhado tremeu aqui, o escapamento esta curto e o som do motor foi maravilhoso!
Foram 4 anos dedicados em reformar esse carro e colocar ele pra andar, a sensação foi indescritível, o motor a 900rpm e o coração a mil, eu rindo sozinho. Logo gritei “Deu certoooooo”

Para saber mais sobre o projeto do carro (clique aqui).

Bom, segue um vídeo de 5 segundos, que foi o da primeira partida do carro! Esse não posso excluir, por mais que seja curto e mal filmado!

Conclusão: Meu objetivo sempre foi o “Faça vc mesmo”
Logo, quis mostrar que qualquer pessoa com o mínimo de conhecimento mas o máximo de interesse e dedicação, pode montar a sua injeção programável sozinho em casa.
Se você tem preguiça ou medo de por a mão na massa, hoje existem milhares de profissionais nessa área com uma bagagem incrível, e realizam trabalhos sensacionais, assim como o Grada Rossi que já foi postado aqui!

Por isso eu digo, só instale você mesmo a sua Octtane caso você tiver força de vontade e garra, pois se não tiver, melhor deixar na mão dos profissionais!

Sim, eu mesmo instalei a minha Octtane 

🙌

Texto e mão na massa de: Daniel Barbato [Café com Codorna].

Continuem acompanhando e interagindo no nosso blog, sua opinião é muito importante para nós.
Aproveite e siga a Octtane nas redes sociais e compartilhe com os amigos.

2 comentários em “Tenho pouca experiência em auto elétrica, consigo instalar minha Octtane?

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: